Bom dia! Hoje é segunda-feira, 06 de dezembro de 2021 | 08:50

16 mulheres foram mortas no segundo trimestre de 2021 em RO, sendo três delas vítimas de feminicídio /
Imprimir matéria

07/10/2021 [11h17] | Notícias

16 mulheres foram mortas no segundo trimestre de 2021 em RO, sendo três delas vítimas de feminicídio

16 mulheres foram mortas no segundo trimestre de 2021 em RO, sendo três delas vítimas de feminicídio
16 mulheres foram mortas no segundo trimestre de 2021 em RO, sendo três delas vítimas de feminicídio

Por Jheniffer Núbia, G1 RO

 


16 mulheres foram mortas no segundo trimestre de 2021 em RO; apenas três  foram registrados como como feminicídio ? Foto: Getty Images/ South_agency

16 mulheres foram mortas no segundo trimestre de 2021 em RO; apenas três foram registrados como como feminicídio ? Foto: Getty Images/ South_agency

Dezesseis mulheres foram mortas de abril a junho deste ano em Rondônia. Os dados são de um levantamento feito pelo G1 junto à Secretaria de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec).

Os números também revelam que das 16 vítimas do segundo trimestre, apenas três foram consideradas como feminicídio (assassinato contra uma mulher cometido devido ao fato de ela ser mulher ou em decorrência da violência doméstica). Os outros 13 casos estão registrados como homicídio de mulher.

Ainda segundo levantamento, 48 mulheres foram mortas no estado nos últimos quatro anos (veja a tabela abaixo).

Ocorrências por feminicídio e homicídio contra mulher nos meses: abril, maio e junho em Rondônia

Natureza20172018201920202021total
Feminicídio-232310
Homicídio-102131338
total-125151648

A Sesdec informou não ter dados de feminicídio e homicídio contra mulheres no ano de 2017, período solicitado pela reportagem.

Em uma comparação entre o segundo trimestre de 2020 com 2021, conforme os casos da Sesdec, os casos de feminicídio tiveram uma aumento de 50%. Já quanto ao crime de homicídio contra mulher, 13 mulheres foram mortas no segundo trimestre do ano passado. Neste ano também foram 13 vítimas mulheres no mesmo período.

Importância do registro como feminicídio

Em entrevista ao G1, a presidente da Comissão de Direitos Sociais da Ordem dos Advogados do Brasil em Rondônia, ouvidora da Mulher e coordenadora de Combate a Violência contra a Mulher da CMA/Rondônia, Evanilde do Nascimento Marinho destaca a importância da nomenclatura correta no registro policial.

"Essa subnotificação acontece, algumas das vezes, pela confusão entre homicídio e feminicídio, que consiste na morte da mulher por violência doméstica familiar ou pela condição de ser mulher, ou seja, pelo gênero. Aí, a gente vê, a extrema importância do registro como feminicídio, até para que esse autor venha ser condenado conforme a sua culpabilidade e também para que haja implementação de políticas publicas visando a proteção dessa mulher", fala.

Violência contra mulher: identifique atitudes abusivas em 5 pontos
Fonte: G1

Comentários

Outras matérias

RECADOS

  • Berg Arlindo | Fortaleza - CE

    Toca o sucesso da Banda A Prova, Música fake news! https://www.suamusica.com.br/provadeamor/banda-a-prova-promocional-2...

    13/02/2019 às 21h28

  • maracos | castelo do piaui - PI

    ://www.webradiocastelodopiaui.com.br/ nosso zap nos ràdio 86-981896061 zap 86 981789362 voce tem numero do zap entre con...

    23/12/2018 às 20h44

  • CAMILLE GOES | olinda - PE

    Quero mandar um beijo e a musica,,,Barreiras do canto Brunno Carvalho p\\reginaldo amorin com amor e carinho,,valeu

    25/09/2018 às 12h02

Escrever recado

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

Rádio Cidade Jatoba FM «« Todos os direitos reservados »»
0%
Streaming Local7 Sites